Pages Navigation Menu

Portal de saúde e nutrição dedicado especialmente para aqueles que desejam emagrecer fazendo reeducação alimentar.

Chocolate engorda? Nem sempre!

Ele pode ser seu grande aliado no emagrecimento!

Você certamente já ouviu a expressão “a diferença entre o remédio e o veneno é a dose”, não é mesmo? Essa sentença vale para muitas situações, e com o chocolate não é diferente.

Grande vilão das dietas, o chocolate foi demonizado por muito tempo. A ele se atribuiu a culpa pelo sobrepeso e muitas dietas e programas de emagrecimento proibiam o seu consumo.

A boa notícia é que estudos recentes resgatam o chocolate como um alimento saudável, desde que levadas em conta certas circunstâncias, como o tipo de chocolate e a quantidade diária de sua ingestão.

 

chocolate-amargo-engorda-ou-emagrece

 

O cacau e as más companhias

O alimento conhecido como chocolate é usado para designar diferentes tipos de produtos, que em sua composição, são bem diferentes uns dos outros. Essa generalização acabou contribuindo para que o chocolate adquirisse uma má fama, principalmente de que ele engorda.

O produto base do chocolate, o cacau, é extremamente benéfico para a saúde humana, porém, é extremamente amargo. Para torna-lo mais saboroso, principalmente para atender o paladar dos brasileiros, são acrescentados diversos outros produtos, dentre eles o açúcar e o leite.

O açúcar, como já sabemos, é o que aumenta o valor calórico do chocolate, então, por uma questão de justiça, é correto afirmar que são as más companhias adicionadas ao chocolate que engordam e não o chocolate em si.

 

Escolhendo o chocolate certo

Os chocolates encontrados com mais facilidade, nas prateleiras de supermercados, são ricos em açúcar, recheios, leite e outros produtos. A quantidade de cacau é baixa e eles são extremamente calóricos.

Entretanto, a escolha do chocolate certo está diretamente ligada à quantidade de cacau em sua formulação. O ideal é que a presença do cacau esteja acima de 60%, e é possível encontrar isso nas embalagens dos produtos.

Nesse nível de concentração de cacau, o chocolate será necessariamente mais amargo. E é esse tipo de chocolate que não engorda e que pode até mesmo ser um grande aliado no emagrecimento, desde que consumido em doses corretas.

 

Benefícios do consumo do cacau

O produto básico do chocolate, o cacau, traz inúmeros benefícios ao organismo. Um dos principais é a saciedade e a sensação de bem-estar, tão conhecida dos chocólatras. Seu consumo libera substâncias no cérebro que trazem a sensação de prazer. Além da felicidade, outros benefícios estão associados ao consumo do cacau:

  • Auxiliar na proteção dos neurônios cerebrais
  • Melhoria da flora intestinal
  • Alto poder anti-inflamatório
  • Melhoria da capacidade cardiovascular
  • Auxiliar na prevenção de tromboses
  • Melhoria da função hepática
  • Eficaz na prevenção de doenças cerebrais degenerativas
  • Anticancerígeno
  • Redutor dos níveis de estresse

Com o avanço dos estudos sobre o cacau, cada vez é maior o número de benefícios atribuídos ao produto base do chocolate, portanto, consumido sabiamente, ele pode interferir positivamente no organismo, assegurando mais saúde e qualidade de vida.

chocolate engorda ou emagrece

 

Cuidados na hora de escolher o chocolate

Além de procurar por um chocolate com alta concentração de cacau, alguns outros cuidados devem ser levados em conta. Dê preferência aos chocolates com cacau cru, pois boa parte compostos se perde quando o cacau é processado.

O famoso chocolate ao leite deve ser evitado, já que tem alta concentração de açúcar, e o mesmo vale para os chocolates brancos, praticamente sem cacau. Quanto mais escuro o chocolate, maior a presença do cacau.

Procure na embalagem o tipo de açúcar usado na composição e evite os de cana de açúcar e similares. Prefira os adoçados com mel ou com adoçantes naturais e deixe de lado também os adoçantes artificiais.

Cuidado também com o tipo de gordura do chocolate, já que o ideal é que haja a presença apenas da manteiga de cacau, a gordura original do fruto. Chocolates com outros tipos de gordura saturada devem ser evitados.

Quantidade de chocolate que ajuda a emagrecer

Agora que você já sabe distinguir um bom chocolate de um que engorda, resta saber a dose. Segundo os estudos mais recentes, uma porção diária entre 25 e 35 gramas é o ideal para potencializar os efeitos benéficos do cacau e obter seus inúmeros benefícios.

Essa quantidade trará saciedade e prazer ao consumo, evitando que outros produtos ricos em glicose sejam consumidos. Uma última dica: procure consumir chocolates com o selo de orgânico, já que isso também evitará o consumo de substancias alteradas geneticamente.

Encontrar esse chocolate ideal talvez dê mais trabalho, mas certamente irá ajudar em sua dieta de emagrecimento e trará momentos de grande satisfação ao poder comer o chocolate sem nenhuma culpa.

 

Redator Emerson dos Santos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: