Pregos no feijao para anemia

Quando eu era pequena minha avó dizia para minha mãe: coloque pregos no feijão, essa menina precisa de ferro e o único modo é cozinhar o prego junto com o feijão. Eu achava realmente engraçado, mas minha mãe, como boa mãe, comprava pregos novinhos, esterilizada e depois fazia feijão com o prego dentro (risos), bateu saudades da infância!

Mas sera que essa historia de cozinhar o feijão com pregos é verdade?

Navegando pela internet, encontrei no site Diario da Biologia a explicação plausível para esse contexto. Segundo a ecologa Ligia Souza, isso é um mito e em vez de curar a anemia, pode até fazer mal a saúde, entenda porque.

Você já ouviu falar que colocar um prego para cozer junto com o feijão ajuda a combater a anemia? Na verdade, existem duas formas químicas para o ferro. Uma delas é “heme” (Fe+2). Encontrada em alimentos de origem animal e mais facilmente absorvida pelo organismo.

Há também a forma “não heme” (Fe+3). Presente em leguminosas e vegetais verde-escuros. Para ser mais bem aproveitada pelo organismo. Esta última precisa passar por modificação química. Isso pode ser feito pela ingestão de alimentos ricos em vitamina C.

Por isso, é correto o hábito de comer feijoada com laranja. Porém, de nada adianta colocar um prego para cozer no feijão, pois o ferro presente no objeto está na forma “não heme” e, durante o cozimento, muito dificilmente passará para a forma “heme”. Mesmo que isso ocorra será em valores insignificantes. Além disso, o prego possui outros elementos que podem provocar intoxicação química.

A anemia pode ser causada por vários tipos de problemas, não é apenas a deficiência do ferro que pode desencadear uma crise anêmica, mas sim uma série de fatores.

A anemia é caracteriza pela falta de hemoglobinas ou hemácias no sangue. Isso provoca queda de pressão, cansaço excessivo, palidez, fraqueza, falta de ar e outros…

O tipo mais comum de anemia é a falta de ferro no organismo, mas esse ferro é absorvido a partir dos alimentos, grãos, vegetais, carnes. O ferro é um nutriente importante para nosso organismo, isso para não dizer essencial. Pois através dele, ocorre uma maior produção de glóbulos vermelhos, que são os responsáveis para levar o oxigênio até as células.

 

 

Voltando ao prego para encerrar e entendermos tudo:

O ferro presente no metal não é absorvido e é considerado “não Heme”, como já citado anteriormente. Esse tipo de ferro não é facilmente absorvido pelo organismo. Portanto a historia do ferro é crendice popular. E se a pessoa colocar um prego qualquer, sujo ou contaminado, ainda pode contaminar o feijão. Tal atitude, posteriormente causara danos a saúde.

Portanto, agora que você já sabe que tudo não passa de uma lenda. Por favor, procure absorver o ferro dos alimentos. Espero que tenham gostado.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked*

%d blogueiros gostam disto: